Servidores da Saúde excluídos do PCCV realizam mobilização em Campina Grande

14 abril de 2012Sem comentáriosArquivado em: Notícias

Após ficarem de fora do reajuste estabelecido pela Prefeitura Municipal de Campina Grande, que enviou um projeto para a Câmara de Vereadores que aprovou um aumento de 6,5% para os servidores, os trabalhadores da Secretaria de Saúde decidiram realizar uma mobilização de repúdio à medida na manhã de terça-feira, 17, a partir das 8h.

Além de várias categorias ficaram de fora da à implantação do Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV), a gestão municipal achou por bem não incluí os servidores no reajuste anual da data-base. Essa medida foi repudiada pela direção do SINTAB (Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema), que continua acreditando que todas as categorias merecem ser contempladas tanto com o plano, como também com o aumento, apesar deste ser um dos menores de toda a Paraíba.

Para demonstrar a indignação perante esse cenário, os servidores da pasta, principalmente os agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes de combate às endemias (ACE), que continuam em greve no município, irão se organização em frente à sede do SINTAB, e sairão em caminhada pelas ruas do Centro de Campina Grande para alertar a população da real situação que os trabalhadores continuam passando.

Mesmo após se reunirem com a gestora da Secretaria de Saúde, esses servidores não tiveram suas reivindicações atendidas, e continuam esquecidos pela administração de Campina Grande. Os trabalhadores esperam continuar com o apoio que vem sendo dado por todas as comunidades da cidade, uma vez que várias delas demonstram entender a situação dos funcionários e corroboram pela melhoria das condições de trabalho na pasta.

Deixar um comentário

Você precisa se logar para postar um comentário

Outras Notícias: